Neta de Athayde Marcondes e da professora Gabriella relembra infância em Pindamonhangaba

Com um agradável bate papo, ilustra nossa página de história de hoje a ceramista Aidil Athayde de Oliveira Marques, neta mais velha do historiador José Athayde Marcondes e da professora Gabriella de Castro Monteiro Athayde Marcondes, casal que teve importante participação na história de Pindamonhangaba. Viúva de Daniel de Oliveira Marques, mãe de Maria Martha, … Ler maisNeta de Athayde Marcondes e da professora Gabriella relembra infância em Pindamonhangaba

Quando os paralelepípedos vieram embelezar as históricas ruas da ‘Princesa’

De uma edição do semanário ‘A Cidade’, um dos extintos jornais que já divulgaram a Princesa do Norte, fomos encontrar, em matéria de primeira página, a divulgação de uma série de obras, a maioria urbanas, realizadas pela Administração Municipal, o prefeito era o José da Silva Andrade, mas os serviços haviam sido iniciados na gestão … Ler maisQuando os paralelepípedos vieram embelezar as históricas ruas da ‘Princesa’

O recenseamento escolar de 1920

Há 96 anos, a Tribuna do Norte, edição de 15/8/1920, divulgava o resultado de um recenseamento escolar realizado em Pindamonhangaba que apontava os números seguintes: Zona urbana Masculinos: sabem ler, 200; analfabetos, 308; frequentam escolas, 347; não frequentam, 161; filhos de brasileiros, 443; filhos de estrangeiros, 65. Femininos: sabem ler, 226; analfabetos, 293; frequentam escolas, … Ler maisO recenseamento escolar de 1920

Papai Noel e o presépio na praça

Na foto, abaixo, o inesquecível Papai Noel de Pindamonhangaba, Domingos José Ramos Mello, o popular estimado ‘Gaucho’, tendo ao fundo o presépio da praça da Cascata, que este ano comemoraria 52 anos de existência, mas que por conta das ações doentias do vandalismo não foi possível sua montagem no lugar de tradição. A página de … Ler maisPapai Noel e o presépio na praça

Ruas do Passado: A ladeira da rua Formosa

Das ruas seculares de Pindamonhangaba ficaram apenas as denominações. O cenário que se ergue ao longo de suas calçadas e em seu próprio leito recoberto de camadas asfálticas é completamente outro. A evolução é inevitável e transformadora. Vão longe os tempos de outrora, quando os prédios tinham outras fachadas, como diria Balthazar de Godoy Moreira, … Ler maisRuas do Passado: A ladeira da rua Formosa

O maestro Carlos Gomes em Pindamonhangaba

Revendo a série de crônicas escritas neste jornal em 1963 pelo literato Balthazar de Godoy Moreira (1898/1969), destacamos as poéticas lembranças que ele cultuava do sobrado fronteiro à igreja matriz, casa onde nascera. Segundo o escritor, o sobrado teve como “um dia ainda maior” (referindo-se aos festejos ali realizados) quando nele se hospedou o maestro … Ler maisO maestro Carlos Gomes em Pindamonhangaba

A pizza margherita

A história mais famosa relacionada com pizza é a da Rainha Margherita di Savoia. Durante o reinado da Margherita e do rei Umberto I (1878-1900) a pizza já era um prato bastante popular em Nápoles. Dizem que em 1889, os reis da Itália foram visitar a cidade e resolveram provar a iguaria. O pizzaiolo, para … Ler maisA pizza margherita

A princesa que fisga..

Se Pindamonhangaba já foi um lugar onde se faziam anzóis, continua sendo o lugar que fisga. Fisga quando desperta um estranho fascínio naquele que (por alguma razão ou por nenhuma razão especial) “aporta nestas paragens” e sente uma vontade irresistível de ficar. Ficar até o último de seus dias e aqui ser sepultado. É uma … Ler maisA princesa que fisga..