O RIO-ARTE DE FRANCISCO MACHADO

Assim como um grande rio se faz pela confluência de muitos rios, um grande artista como Francisco Machado é confluência de muitas vidas: seus pais, avós, bisavós, mestres e, de modo especial, a Irmã Paula da Casa Maria Pia que, ao final da vida, percebendo o talento artístico do menino, deu-lhe de presente todo o … Ler mais

DOS “BAÚS DAS BOAS LEMBRANÇAS” DOS SAN MARTIN PARA A EUTERPE

No aniversário de 197 anos da Euterpe, convido o leitor para fazer um tour pela Pindamonhangaba das primeiras décadas do século passado, no tempo em que viveram o pai e os tios de Júlia San Martin Boaventura–Agostinho San Martin Filho, saxofonista; Nicolau Alonso Martins, violinista; Henrique San Martin, pianista e compositor; João José San Martin, … Ler mais

O obelisco

No Bicentenário da Independência do Brasil, Pindamonhangaba celebra o Centenário do Obelisco da Praça Monsenhor Marcondes, monumento erigido em 1922 para perpetuar a cooperação de pindamonhangabenses da Guarda de Honra de D. Pedro no grande feito da Independência. O Obelisco, assim como todo monumento, detém a sua própria história. Decorrido um século de sua instalação, … Ler mais

O DESFILE DO BICENTENÁRIO DA INDEPENDÊNCIA

Três de setembro de 2022. Cheguei cedo à Praça Sete de Setembro. Queria ver as crianças e seus pais chegando para o Desfile Cívico-Militar comemorativo ao Bicentenário da Independência do Brasil. Queria prestigiar a gloriosa Corporação Musical Euterpe concentrar-se, afinar os instrumentos, abrir o desfile na Avenida Albuquerque Lins. Queria entrevistar os lobinhos, escoteiros e … Ler mais

RUTE ELIANA E A ARTE DE ‘ENSACIZAR”

Tive a sorte de ter na infância uma contadora de história sem igual, minha avó, a quem devo o encantamento que até hoje cultivo pelas lendas e fábulas da cultura caipira. À luz de lampião e ao redor do seu fogão a lenha, ficávamos atentos e medrosos ouvindo as histórias que ela nos contava de … Ler mais

NO BICENTENÁRIO DA INDEPENDÊNCIA, A PRINCESA DO NORTE

No domingo 21 de agosto, nossa terra e nossa gente foram agraciadas com uma encenação teatral de inigualável valor, celebrando ‘poeticamente’ três momentos da história de Pindamonhangaba relacionados à Independência do Brasil: 1822, 1922 e 2022. De autoria do consagrado dramaturgoAlberto Santiago, a encenação“Independência ou Morte: D. Pedro I em Pinda” foi apresentada em dois … Ler mais

O “ROMANCEIRO DA INDEPENDÊNCIA” DE BETE GUIMARÃES

Muitos conhecem a aclamada professora pindamonhangabense, a empresária do Alfabete Cursos Preparatórios, a escritora da Academia Pindamonhangabense de Letras, a filha de Mário e Celina, a amiga, a esposa, a mãe, a avó Bete Guimarães! Poucos conhecem a origem de seu imensurável amor à leitura e à escrita, inicialmente motivado pelo pai que, aos finais … Ler mais

INESQUECÍVEL IRMÃ CECÍLIA!

Ao lado do altar do Lar São Judas Tadeu, o piano que pertenceu à Irma Cecília está exposto. Antes, ocupava uma sala da residência dos freis franciscanos e, sobre ele, um porta-retratos com a foto da maestrina expressando o sorriso daqueles que, na terra, espalham as bem-aventuranças do céu! Desde que a jovem Cynira Novaes … Ler mais

UM PASSEIO “PELAS VELHAS RUAS DE PINDAMONHANGABA”

Há muita história a ser contada do lado de dentro e do lado de fora das janelas dos antigos casarões da Princesa do Norte. Há muita história a ser contada em cada desenho a bico de pena do livro-arte “Pelas Velhas Ruas de Pindamonhangaba” (1995), de autoria do engenheiro civil, professor e artista José Renato … Ler mais

AS OBRAS DE EUCLIDES DA CUNHA EM PINDAMONHANGABA

Muitos conhecem o consagrado escritor Euclides da Cunha, autor de “Os Sertões” (1902), obra que entrou para a história da Literatura Brasileira como um marco admirável registro de um repórter que esteve no front da rebelião de Canudos, na Bahia, para noticiar aos periódicos mais conceituados do Brasil, a “Troia de taipa dos jagunços”. Poucos … Ler mais

PARABÉNS A VOCÊ, BERTHA CELESTE HOMEM DE MELLO!

A quadrinha do “Parabéns a você” eternizou Bertha Celeste Homem de Mello (1902 – 1999), a pindamonhangabense que venceuo concurso da Rádio Tupi do Rio de Janeiro com a letra em português para o Happy birthday to you, melodia americana criada pelas irmãs Mildred e Patty Smith Hill, em 1875. Pelas ondas do rádio, Bertha … Ler mais

MARIA, MARIQUITA, QUITA… DO “DONA MARIQUITA – CAFÉ & DOCES”

Conheci Dona Mariquita num quadrinho disposto na parede. Ela e o esposo, bem juntinhos, guardadinhos entre o vidro e a moldura dourada, as fitas e os pompons que adornam a fotografia do jovem casal. Naquele espaço da sala em que, à época em que se casaram, era o Cartório de Registro Civil de Pindamonhangaba, estão … Ler mais