Agricultores orgânicos familiares participam de palestra de Gestão de Cooperativas

O auditório da Prefeitura de Pindamonhangaba recebeu, na quinta-feira (8), a palestra gratuita “Gestão de Cooperativas”, voltada para agricultores orgânicos familiares de Pindamonhangaba e cidades da região. Essa é a primeira ação para a formação de uma cooperativa de processamento de alimentos orgânicos na cidade.
A palestra foi organizada pela Amavap – Associação de Amigos das Serras da Mantiqueira e do Mar e do Vale do Paraíba, e os palestrantes foram o Guilherme de Mattos Araújo e José Carlos de Faria Júnior, ambos ligados à Codeagro (Coordenadoria de Desenvolvimento dos Agronegócios), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo.
A Amavap foi criada no fim do ano passado, e realiza seu trabalho tendo como base quatro pilares: turismo sustentável, meio ambiente, patrimônio cultural e histórico e o desenvolvimento rural sustentável, aliados à ética no trabalho e à comunicação.
A Prefeitura de Pindamonhangaba apoia a iniciativa e cedeu seu auditório para a realização da palestra. O prefeito Isael Domingues, o secretário de Desenvolvimento Econômico Marcelo Martuscelli, o diretor de Agricultura Paulo Imparato e o assessor Fernando Barbosa prestigiaram o evento.
De acordo com o coordenador da Amavap, o agricultor orgânico e biológico, Marcos César Soares, a instituição e a Prefeitura estão construindo uma bela parceria. “Estamos contentes com a parceria com a Prefeitura. Trazendo agricultores para a cooperativa, teremos mais facilidade para acesso a linhas de crédito, financiamento e projetos. Através da união desses proprietários, podemos fortalecer a cadeia produtiva de alimentos saudáveis”, explicou.
Além da palestra, na ocasião, as representantes do Cpic (Centro de Práticas Integrativas e Complementares) da Prefeitura, Cristina e Denize, receberam o certificado pelo 4º lugar no Prêmio Josué de Castro – Edição 2018, na categoria Programas ou Projetos de Políticas Públicas, com o trabalho “Roda de Saberes em Alimentação Saudável (ROSA)”, do representante do Codeagro, por meio do Consea (Conselho Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional Sustentável).
Após a palestra, os próximos passos serão, já para janeiro de 2019, a realização de uma capacitação do Programa de Desenvolvimento Rural de Base (PDRB), para famílias menos favorecidas que plantam e não têm condições de acesso a financiamentos. Também para janeiro, está prevista a realização de seis cursos de capacitação. Também nos projetos para 2019 da cooperativa, com o apoio do Governo do Estado, a realização de uma feira de agricultura sustentável em Pindamonhangaba

  • Além da palestra, na ocasião, as representantes do Cpic (Centro de Práticas Integrativas e Complementares) da Prefeitura, Cristina e Denize, receberam o certificado pelo 4º lugar no “Prêmio Josué de Castro – Edição 2018”. O prefeito Isael Domingues prestigiou a palestra e deu seu apoio aos agricultores
Desenvolvido por CMC Multimídia
Tamanho da fonte
Modo Contraste