Editorial : “Cada um no seu quadrado”

Entra ano e sai ano e sempre existirão as pessoas que amam carnaval e as que detestam – como quase tudo nesta vida… Um exemplo deste “amor e ódio” é que, às vésperas do Natal é comum as redes sociais serem bombardeadas por ‘memes’ criticando a uva passa: uma simples fruta seca que rende discussões entre os ‘prós’ e os ‘contras’.

Mas, voltando ao tema carnaval, o período levanta debates sobre como as cidades devem agir em relação à festividade; já que nem todos gostam dos tradicionais eventos carnavalescos. Pensando nisso, as igrejas católicas e evangélicas, além de instituições sociais criam alternativas para os que não são adeptos à “Festa do Rei Momo”.

Uma das opções em Pindamonhangaba é o “Retiro de Carnaval” da Fazenda Nova Gokula, com atividades pertinentes à filosofia hare krishna durante os quatro dias de festa.

Tem ainda o “Rebanhão”: Realizado pela igreja católica, o evento costuma acontecer em diversas regiões da cidade, levando centenas de pessoas à adoração e a reflexões sobre espiritualidade. Os retiros das igrejas protestantes também levam ministrações, teatros, músicas e muita descontração ao público.

A verdade, é que opções não faltam. O que vale é curtir. Sempre lembrando que ninguém é obrigado a ter a mesma preferência, mas que o respeito é fundamental para evitar desavenças.

Desenvolvido por CMC Multimídia
Tamanho da fonte
Modo Contraste