Comerciantes da Praça da Bíblia se reúnem com Administração Municipal

Representantes dos comerciantes da Praça da Bíblia se reuniram, na quarta-feira (20), para a apresentação do projeto de reurbanização da área de alimentação do local. A apresentação foi realizada pela secretária de Planejamento e Infraestrutura da Prefeitura, Marcela Franco, com a presença da representante do Departamento de Turismo da Prefeitura, Gislene Cardoso. Após a reestruturação, a Praça da Bíblia será mais um produto turístico formatado de Pindamonhangaba.
Participaram ainda, o secretário de Administração da Prefeitura, Fabrício Augusto Pereira, e o diretor de Administração, João Gontijo.
A secretária Marcela apresentou o projeto aos comerciantes, contando com detalhes como a delimitação dos foodtrucks pela cor do piso, colocação de bancos, floreiras e postes decorativos, para a criação de um boulevard seguindo a identidade visual de requalificação dos espaços urbanos na cidade. Além dessas melhorias, também fazem parte do projeto a troca dos pisos, a instalação de postes padrão tendo ligação subterrânea e caixas de utilidades para os foodtrucks, e fechamento de parte da área da praça.
De acordo com a secretária Marcela, a construção de bloco sanitário na praça se torna insalubre perante a Vigilância Sanitária, por isso está incluso no projeto uma área onde poderão ser instalados sanitários para eventos.
“O projeto é bem abrangente e consistente, para atender as necessidades dos comerciantes”, explicou Marcela. “Com essa reurbanização, com certeza haverá a valorização do comércio naquele local e os comerciantes poderão exercer suas atividades com mais segurança, em um ambiente harmonioso e atrativo, beneficiando também os clientes que ali frequentam”, completou a secretária de Planejamento.
Investimento
O investimento neste local está sendo possível graças a uma emenda estadual de infraestrutura, no valor de R$150 mil. Além dessa verba, a Prefeitura investirá ainda, na obra, o valor de R$133.188,10. No total, o investimento final nesta melhoria será de R$283.188,10.
Com a aprovação dos comerciantes presentes, os próximos trâmites serão o envio de toda a documentação para a Casa Civil e a licitação da empresa. Durante o período de obras, os foodtrucks terão a autorização temporária para estacionar em outros locais da praça, próximo à área gramada.
Seguindo todos os trâmites burocráticos necessários, a previsão é que a obra esteja concluída no início do próximo ano.

  • Proposta é reurbanizar a área para dar mais segurança e melhorar os atrativos
Desenvolvido por CMC Multimídia
Tamanho da fonte
Modo Contraste