“Dia D” encerra campanha de vacinação contra febre amarela neste sábado

A segunda fase do “Dia D”, neste sábado, dia 17, encerra a campanha de vacinação contra febre amarela em Pindamonhangaba. Serão 8 equipes da Vigilância Epidemiológica e Atenção Básica que visitarão os moradores da área rural, casa a casa.
Além das equipes na área rural, o Shopping também estará imunizando a população neste sábado, das 10h30 às 19h. O CIAF e o CISAS também ficarão abertos neste último dia de campanha para atender os munícipes que trabalham durante a semana, das 8h às 17h. As senhas serão distribuídas até as 16 horas.
Ao longo do ano, as vacinas estarão disponíveis no postos para as pessoas que precisam se vacinar para viajar, principalmente para países em que é obrigatória a imunização.
Área rural
A segunda etapa do dia D abrangerá os bairros Una, Pinhão do Borba, Pouso Frio, Lago Azul, Estrada do Marçon, Fazenda do Tanque, Granja Odan, Pinheirinho, Santa Cruz, Haras, Jardim Regina, Bica Taipas, Fazenda Mantiqueira, Sapucaia e Shangri-lá.
No primeiro dia D, realizado dia 03 de fevereiro, 595 pessoas foram imunizadas, em um total aproximado de 16 bairros da zona rural. Segundo o diretor do Departamento de Proteção aos Riscos e Agravos à Saúde, Rafael Lamana, a adesão foi considerada baixa, mas a campanha de vacinação continua. “A população está temerosa em fazer uso da vacina, mas sem necessidade. Ressaltamos que a utilização desta vacina é a única maneira de se manter imune ao vírus. Estatisticamente, 1 pessoa em cada 400.000 doses pode sofrer reações adversas graves, portanto é uma vacina segura e a população deve fazer uso, principalmente pessoas do grupo de risco”, explicou Lamana.
A diretora de Assistência de Atenção Básica à Saúde, Vanéli Priscila de Camilo, reforça a importância do dia D para a população da zona rural. “A vacinação do dia D é muito importante, pois conseguimos atingir parte da população que muitas vezes não tem acesso aos postos ou que tem muitas dúvidas. Assim, na abordagem casa a casa, podemos esclarecer com detalhes estas dúvidas. Esperamos no próximo dia 17 atingir um número maior de pessoas”, disse.
Ela destaca ainda que é importante que os moradores dos bairros listados estejam presentes em suas casas durante a visita. “Nosso objetivo é atingir a população que reside na área rural onde temos o maior risco do surgimento da doença”, explica.
Lembrando que os moradores da zona rural estão mais próximos das possíveis áreas de riscos, que são as matas. Porém é necessário que toda a população participe da campanha, principalmente as pessoas que irão viajar para áreas de risco. Em alguns casos, o Ministério da Saúde não recomenda a vacinação, é indicado que um médico seja consultado.
É importante ressaltar que até o momento Pindamonhangaba não apresenta nenhum caso de febre amarela.

  • Além da vacinação na área rural, o Shopping, o CISAS e o CIAF também terão equipes imunizando a população
Desenvolvido por CMC Multimídia
Tamanho da fonte
Modo Contraste