Fundo Social e Paróquia fazem ato em prol da Igreja de Sant’Ana

Um ato de oração contrário à demolição da igreja “nova” de Sant’Ana será realizado, no dia 17 de agosto, às 20 horas, na praça de frente para a igreja. A ação organizada pela paróquia do bairro em parceria com o Fundo Social de Solidariedade será uma manifestação contra a decisão publicada pela 1ª Vara Cível do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo – Comarca de Pindamonhangaba, SP, que ordenou a demolição total ou parcial da igreja nova, situada no bairro Santana.
A ação civil pública ajuizada pelo Ministério Público do Estado de São Paulo alega que a capela antiga tem um valor histórico e arquitetônico e que a nova igreja interfere na estrutura e na visibilidade da antiga.
A Prefeitura de Pindamonhangaba informou que irá recorrer da decisão, por não concordar com a decisão da demolição total da nova igreja, pois o templo religioso atual desenvolve importante papel social no bairro.
O ato de oração, que será realizado de frente para a igreja, contará com diversas autoridades eclesiásticas do município e da região, o prefeito Isael Domingues, membros do Fundo Social de Solidariedade e a comunidade local.
De acordo com assessoria, o prefeito se posicionou em defesa da nova igreja. “Acreditamos que a melhor maneira de resolver isso seria uma conciliação entre a construção antiga e a nova. Respeitamos a decisão judicial, mas vamos buscar este entendimento. Também estamos analisando o porquê do ex-prefeito ter assinado um decreto de tombamento da capelinha no dia 27 de dezembro de 2016, apenas a três dias antes de sair da prefeitura. Este decreto, com certeza, pode ter auxiliado a decisão da justiça que ordenou a demolição da nova igreja”.

Desenvolvido por CMC Multimídia
Tamanho da fonte
Modo Contraste