Integrantes do Cadastro Único podem participar do programa “Ação Jovem”

Colaborou com o texto: Bruna Silva
A Prefeitura de Pindamonhangaba, por meio da Secretaria de Assistência Social, destaca quem pode ser beneficiário do programa “Ação Jovem”. A intenção é fazer com que mais pessoas integrem o programa.
O “Ação Jovem” é um programa estadual de transferência de renda com objetivo de estimular a conclusão da educação básica e preparar o jovem para o mercado de trabalho. Atende jovens de 15 a 24 anos de idade com renda familiar mensal de até um salário mínimo e meio por pessoa. O objetivo do programa é evitar a evasão escolar e dar oportunidades, além de pagar mensalmente um benefício de transferência de renda.
A secretária de Assistência Social, Ana Paula Miranda, explica que para ter direito ao benefício o responsável deve inscrever todo grupo familiar no Cadastro Único. A partir daí, mensalmente é divulgada a relação dos jovens elegíveis ao programa pelo site do CadÚnico (http://cadastrounicopinda.blogspot.com/). Também são realizadas medidas para localizar os jovens por meio de cartas, ligações telefônicas e visitas domiciliares. Depois é só procurar o técnico do Cras (Centro de Referência de Assistência Social) mais próximo à residência para fazer uma entrevista social.
O valor do benefício ofertado é de R$ 80,00 mensais. O cartão magnético é gerado pelo Banco do Brasil nominal ao jovem após vinculação ao programa. Para participar e permanecer no programada idealizado pelo Cras é necessário participar das atividades socioeducativas oferecidas.

  • Benefício estadual visa estimular a conclusão da educação básica e preparar o jovem para o mercado de trabalho
Desenvolvido por CMC Multimídia
Tamanho da fonte
Modo Contraste