Museu tem abertura de exposição com alunos da FASC

Colaborou com o texto:
Bruna Silva
Na noite de quinta-feira (14), o Museu Histórico e Pedagógico Dom Pedro I e Dona Leopoldina teve a abertura da exposição “Territórios: multiplicidades e fronteiras” que apresenta os trabalhos dos alunos de licenciatura em Arte da Fasc (Faculdade Santa Cecília).
Cerca de 110 pessoas participaram do momento, tais produções vêm sendo desenvolvidas ao longo do curso de Licenciatura em Arte da Fasc nas disciplinas de arte digital, fotografia, pintura, escultura e gravura, ministrada pelo prof. Me. Deni Dias. Os trabalhos desenvolvidos partiram da exploração de materiais, suportes e procedimentos artísticos, estabelecendo uma interface entre sujeitos, máquina, espectador. A qualidade dos recursos tecnológicos colocou em evidência reflexões sobre a produção de arte contemporânea e da própria formação do artista/professor e artista/aluno. Todo o processo de criação e produção se embasa no conceito de hibridação interformativa.
O evento contou com as participações do vice-diretor Carlos Eduardo, prof. Me. Denir e coordenador do Museu, José Caramez. Durante o evento, foram entregues cinco prêmios para obras que farão parte do acervo permanente da Fasc.
A exposição pode ser conferida de perto até o fim do mês de julho de segunda a sexta-feira, das 9 às 17 horas e aos sábados das 9 às 12 horas no Museu Histórico e Pedagógico Dom Pedro I e Dona Leopoldina, que fica na rua Marechal Deodoro da Fonseca, centro. Para mais informações ligue 3648-1779.

Desenvolvido por CMC Multimídia
Tamanho da fonte
Modo Contraste