Editorial : O encanto do artesanato

Com pouco mais de um ano e meio em funcionamento, a loja Arte Encanto, montada pelo Fundo Social de Solidariedade, é sucesso de vendas no shopping da cidade. Em 2018, o rendimento da loja somou de R$ 152.672,80.

Pode-se afirmar que o artesanato é um ramo da economia que pode apresentar as manifestações culturais e as tradições de cada povo, possibilitando o desenvolvimento do turismo de base local e gerando renda aos moradores artesãos.

O artesanato é a mais pura manifestação de arte popular conduzida por mãos hábeis, quase sempre desconhecidas.

Nesses termos, a preservação do trabalho artesanal ou trabalho manual nos municípios promove a manutenção da história viva da comunidade e pode contribuir com o desenvolvimento do turismo de base local, tornando-se uma arte geradora de renda ou um complemento de renda para famílias ou grupos organizados em torno dessa atividade.

Juntamente com o artesanato nascem diferentes culturas que ajudam o homem a transmitir os saberes construídos historicamente. Tais saberes buscam preservar a história particular de uma família, de uma geração, de uma cidade, de uma fazenda, de uma região e de um país.

Com essa visão, poder público local, por meio do Fundo Social, vem indicando medidas para o desenvolvimento e a incorporação das comunidades artesãs municipais ao turismo, em que há a valorização desse patrimônio cultural, evitando que ele desapareça com o tempo.

O sucesso da loja social Arte Encanto é a concretização dessas medidas para a manutenção do encanto que o artesanato carrega consigo.

Desenvolvido por CMC Multimídia
Tamanho da fonte
Modo Contraste