Palmeira tombada é replantada no Parque da Cidade

No último sábado (9), uma palmeira imperial (Roystonea oleracea) da Avenida Dr. João Ribeiro, no Boa Vista (próximo à escola, local conhecido como avenida da Coca-cola), tombou devido a um afundamento de solo, causado por um rompimento de galeria, em virtude das às fortes chuvas dos últimos dias. A Defesa Civil foi acionada imediatamente e, junto com o Departamento de Trânsito da Prefeitura, isolou a área até que fosse feita a análise do ocorrido e a retirada da palmeira pudesse ser concluída, na segunda-feira (11), pela equipe da Secretaria de Meio Ambiente.
De acordo com a engenheira florestal da Prefeitura, Christiane Costa, a palmeira é muito utilizada na jardinagem, devido a sua beleza exuberante. Além de ser muito valiosa financeiramente, demorou décadas para se formar e, portanto, como a palmeira é jovem e não sofreu danos, não deveria ser sacrificada. A operação foi demorada e trabalhosa, mas, com o apoio do Departamento de Obras, Defesa Civil e Sabesp, a Secretaria de Meio Ambiente realizou o replantio imediatamente após o içamento da palmeira de seu local original, para que não sofresse danos. O novo local escolhido foi a entrada do Parque da Cidade.
“O replantio deveria ocorrer na mesma avenida, mas como há o estreitamento do canteiro central, esse local ficou impossibilitado de receber a palmeira e ela foi transportada para o Parque da Cidade onde ocorreu o replantio, na área próxima ao estacionamento”, explicou a engenheira florestal. “A palmeira permanecerá escorada por alguns meses, sendo frequentemente cuidada, até que ocorra o desenvolvimento de novas raízes que permitirão sua fixação ao solo, sem que ocorra o risco de queda”, avaliou.
De acordo com o secretário adjunto de Obras e Planejamento, Carlos Eduardo dos Santos, a equipe de drenagem já está na Avenida Dr. João Ribeiro, para corrigir o problema da galeria.

Desenvolvido por CMC Multimídia
Tamanho da fonte
Modo Contraste