Secretaria de Saúde inicia vacinação contra o HPV

Colaborou com o texto:
Bruna Silva
A Secretaria de Saúde de Pindamonhangaba, por meio do Departamento de Proteção aos Riscos e Agravos à Saúde, realiza, desde a última semana, a vacinação contra o HPV (sigla em inglês para Papilomavírus Humano), nas escolas municipais, estaduais e particulares da cidade.
O diretor do Departamento de Proteção a Riscos e Agravos à Saúde, Rafael Lamana, explica que está sendo feita uma busca ativa nas escolas públicas e particulares, em Pindamonhangaba, isto é, encontrar o público-alvo para que seja vacinado: meninas de 9 a 14 anos e meninos de 11 a 14 anos.
“A intenção da vacinação é propiciar a proteção contra o câncer de colo de útero e verrugas genitais. A vacina oferecida pelo SUS é a quadrivalente, e tem até 80% de eficácia, na proteção contra o HPV”, destaca Lamana.
A vacina é distribuída gratuitamente pelo SUS (Sistema Único de Saúde), entretanto, é importante destacar que a vacina não é um tratamento, não sendo eficaz contra infecções ou lesões por HPV já existentes.
De acordo com o Ministério da Saúde o HPV é um vírus que infecta pele ou mucosas (oral, genital ou anal), tanto de homens quanto de mulheres, provocando verrugas anogenitais (região genital e no ânus) e câncer, a depender do tipo de vírus. A infecção pelo HPV é uma Infecção Sexualmente Transmissível (IST).
Além da vacinação nas escolas, todos os postos de saúde contam com a vacina.

Desenvolvido por CMC Multimídia
Tamanho da fonte
Modo Contraste