SUS passa a oferecer testes rápidos para dengue e chikungunya

Serão ofertados três milhões de testes para serem distribuídos a estados e municípios

O Sistema Único de Saúde passará a oferecer testes rápidos para identificação da dengue e da chikungunya. A medida que inclui os testes na tabela do SUS foi publicada no Diário Oficial da União de quinta-feira (10).
A decisão considerou a necessidade de otimizar o diagnóstico laboratorial. Serão disponibilizados aos estados e municípios dois milhões de testes rápidos imunocromatografia qualitativa (IgM/IgG) para dengue e um milhão de testes rápidos imunocromatográficos IgM para chikungunya.
Zika Vírus

O SUS já oferece o teste rápido para o zika vírus. É feito em gestantes e nas crianças que têm até um ano de idade, com resultado em até 20 minutos. O objetivo é verificar a possível contaminação e possibilitar imediato acompanhamento do caso.
São dois testes em um. O primeiro identifica se o cidadão está com o vírus, já o segundo observa se ele já foi portador do vírus em alguma fase da vida.

banner_acessoainformacoes
banner_portaldatransparencia
banner-prefeitura
banner-fundacao
banner-anuncie-aqui
banner-facebook
Desenvolvido por CMC Multimídia
Font Resize
Modo Contraste