Editorial : Educação acessível

Nesta semana, o MEC – Ministério de Educação e Cultura – divulgou a primeira lista de pré-selecionados do ProUni (Programa Universidade para Todos) no Vale do Paraíba. Dos cerca de 560 candidatos pré-selecionados, 141 são de Pindamonhangaba, segunda cidade da região com mais alunos escolhidos, abaixo apenas de São José dos Campos.

O programa trata da concessão de bolsas de estudos nas modalidades integral e parcial a estudantes carentes, em cursos de graduação em instituições privadas de ensino superior e tem comprovado que a educação tem o potencial de mudar a vida das pessoas.

São exemplos disso, milhares de jovens de todo o País, com alto rendimento escolar, remanescentes da escola pública e que puderam, a partir dessa oportunidade, mudar sua própria realidade social e de suas famílias.

O objetivo principal tem sido atingido: uma maior inserção de jovens menos favorecidos no ensino superior, que agora têm mais chances de se profissionalizar e garantir seu futuro.

Assim, não obstante problemas e ajustes que precisam ser feitos para realmente realizar a democratização pretendida, não se podem negar os efeitos positivos do programa na vida dos estudantes beneficiados.

Ao possibilitar o ingresso no ensino superior, o ProUni dá oportunidade àqueles de poderem mudar sua realidade, possibilitando ter uma profissão, melhorando sua renda, e resgatando sua cidadania. Consiste em uma oportunidade de ascensão profissional e cultural para aqueles que sempre foram discriminados.

Desenvolvido por CMC Multimídia
Tamanho da fonte
Modo Contraste