Lembranças Literárias : Lembranças Literárias: Junho

Junho que trazes tuas noites frias
enfeitadas de estrelas e luar…
Que lembras festas, cantos e alegrias
que as tradições nos fazem recordar…
Junho – mês das fogueiras crepitantes,
das bombas e foguetes soltos no ar,
dos balões coloridos dos amantes
sertanejos que dançam a sonhar…
Junho – passado que se faz presente
a revolver as cinzas das fogueiras
– das fogueiras da vida – que se sente
extinguir suas chamas derradeiras…
Junho que vens e vais todos os anos
a despertar em nós recordações!…
Deixa no teu passado os desenganos
e traz-nos sonhos bons aos corações!…

Luys de Castelar, Tribuna do Norte, 22 de junho de 1969.

Desenvolvido por CMC Multimídia
Tamanho da fonte
Modo Contraste