Editorial : Nos trilhos da História

Nesta edição, vemos que a Estrada de Ferro Campos do Jordão (EFCJ) retomou as atividades do programa “Trilhos Pedagógicos: História e Cidadania, que levará cerca de mil estudantes do 5º ano do Ensino Fundamental e da Educação de Jovens e Adultos (EJA) a participar da ação desenvolvida em parceria com a Secretaria de Educação de Pindamonhangaba.
O objetivo é difundir conhecimentos sobre a centenária estrada de ferro e sua importância para o desenvolvimento da região.
A criação da Estrada de Ferro de Campos do Jordão está relacionada ao aumento da população e à expansão da vida urbana, fenômenos sociais que caracterizaram a modernização das formas de vida no estado de São Paulo.
A partir de 1898, a tuberculose, doença cuja incidência era grande entre a população urbana pobre, passou a ser a maior causa de morte no Estado.
A Serra da Mantiqueira já era conhecida pelos bons efeitos de seu clima e a relação entre bom clima e desenvolvimento do turismo impulsionou a construção da ferrovia.
Depois de altos e baixos, nos últimos anos, se desenvolve um amplo plano de recuperação da Estrada. Já foram executadas obras de modernização da via permanente, incluindo troca de trilhos, melhoria das redes de drenagem, e reformas das estações e paradas.
Reconhecendo a importância da valorização da memória para a vitalidade das instituições, as ações de recuperação incluíram o desenvolvimento do projeto de restauração da Estação Emilio Ribas, as pinturas parietais, a organização arquivística do acervo documental da ferrovia, a identificação e catalogação de objetos, artefatos e instrumentos de importância técnica e histórica; e a criação de um espaço expositivo para divulgar a história da Estrada de Ferro Campos do Jordão.
O projeto com os estudantes acontece às quartas-feiras, às sextas-feiras e em dois sábados (13 de abril e 29 de junho). Até o final de junho, 919 alunos, de 28 escolas devem conhecer a ferrovia. Desde o segundo semestre de 2017, quando o projeto teve início, 2.500 crianças e adolescentes, acompanhados de professores, participaram do programa.

Desenvolvido por CMC Multimídia
Tamanho da fonte
Modo Contraste